CodePen - horizontal timeline
  1. 1945

    Logo após o fim da segunda guerra mundial, Antônio Secundino de São José e quatro sócios criam a Agroceres, a primeira empresa de sementes de milho híbrido do Brasil.

  2. 1977

    A Agroceres faz um acordo com a empresa inglesa PIC, Pig Improvement Company, para trazer para o país o primeiro Núcleo Genético de desenvolvimento de suínos híbridos de alto desempenho.
    O suíno híbrido viria a revolucionar a genética animal da mesma maneira que o milho híbrido havia revolucionado a genética vegetal.

  3. 1985

    A empresa expande sua atuação em genética animal. Em associação com a britânica Ross Poultry Breeders, traz para o Brasil a primeira Granja Elite de melhoramento genético de aves de corte.

  4. 1988

    É inaugurada a fábrica de Rio Claro, consolidando a sua posição no mercado de Nutrição Animal. Apoiada em seu conhecimento de genética animal e expressando a sua vocação para a tecnologia e inovação, a Agroceres desenvolveu programas nutricionais que permitiam maximizar o potencial genético e o retorno econômico das criações.

  5. 1993

    Com o lançamento da isca-formicida Mirex-S, a Agroceres se torna líder deste mercado, posição que ocupa até hoje.

  6. 1997

    É concluída a venda do negócio sementes para a Monsanto. Pelo acordo assinado a Agroceres manteve a propriedade da marca Agroceres e a Monsanto obteve uma licença para utilizar a marca exclusivamente em seu negócio de sementes.

  7. 2003

    O Grupo Agroceres exerce a sua opção de retornar ao mercado de sementes depois de cinco anos, com a fundação da Sementes Biomatrix.

  8. 2004

    É inaugurada a fábrica de palmito cultivado na Bahia. O palmito cultivado substitui o palmito extrativo e traz o produto para um novo patamar de sustentabilidade e segurança alimentar.

  9. 2007

    O Grupo conclui a venda de suas operações de genética de aves para a Aviagen. A experiência e o conhecimento obtidos no negócio de genética de aves ainda hoje são muito úteis na atuação da empresa em genética de suínos e nutrição animal

  10. 2010

    A Agroceres adquire a Multimix Nutrição Animal, empresa sediada em Campinas com forte tradição e presença em nutrição de aves. Com a união das duas empresas a Agroceres passou a atuar em nutrição animal com o nome Agroceres Multimix, e tem hoje grande participação nos três maiores segmentos do Brasil: nutrição de suínos, aves e bovinos.

  11. 2011

    A Biomatrix amplia a sua atuação em sementes ao adquirir as operações da Santa Helena Sementes, empresa tradicional no mercado, fundada na década de 1980. A empresa Helix, que reúne as duas marcas, é hoje a maior empresa de sementes de milho e sorgo controlada por brasileiros.

  12. 2014

    A Agroceres PIC concluiu a aquisição da Genétiporc do Brasil, empresa que representava no Brasil a Genétiporc do Canadá. A aquisição ampliou a capacidade de produção e venda, e consolidou a posição de liderança de mercado da Agroceres PIC.

  13. 2015

    Ao completar 70 anos, a Agroceres é uma marca respeitada e admirada no agronegócio brasileiro, atuando em: Nutrição Animal, Genética de Suínos, Sementes de Milho e Sorgo, Palmito Cultivado e Isca Formicida.

  14. 2016

    O Grupo Agroceres adquiri a Novanis, empresa de nutrição animal atuante nos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, incrementando de forma significativa a sua participação no mercado de nutrição de bovinos.

  15. 2017

    A Binova, empresa de fertilizantes especiais é adquirida pela Agroceres. A aquisição marca a entrada do Grupo no segmento de nutrição vegetal.